CapaNotícias

O descredenciamento da Gama Filho e UniverCidade: solução inviável

O descredenciamento da Gama Filho, feito pelo MEC, leia-se, Mercadante, foi uma solução desastrosa, pois corta os sonhos de 10.000 alunos de se formarem no curto prazo, além do dinheiro gasto em mensalidades ter sido expropriado. Acrescenta-se desempregar professores e funcionários e desqualificar o Bairro da Piedade no entorno da Via Férrea pela fechamento do pólo de emprego e renda que é a Gama Filho que há 74 anos funciona no local, sempre se expandindo.

Não esquecer que foi o MEC que credenciou o fajuto grupo Galileo e agora lava as mãos. Que interesses menores existiram atrás do que está ocorrendo? Outras 2 soluções seriam legais e plausíveis: a federalização como proposto pelos Reitores da Universidades Federais ou a intervenção do MEC, no primeiro momento e posteriormente escolher uma nova mantenedora que seja íntegra e com capacidade de gestão. A mesma coisa acontece com a UniverCidade cujos alunos também sofrerão com o descredenciamento e professores e funcionários à mercê da própria sorte.