Luiz Paulo sugere oitiva conjunta na Comissão Especial das Barcas

Durante a primeira reunião da Comissão Especial da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro de Auditoria das Barcas, o deputado Luiz Paulo sugeriu aos demais membros da comissão e do presidente, que a primeira oitiva deveria ser conjuntamente entre a CCR, nova concessionaria das Barcas, a agencia reguladora, a AGETRANSP e o poder concessionário, a Secretaria Estadual de Transportes.

Ele ressaltou que esses três atores devem ser ouvidos juntos para que não haja um jogo de culpados. Dentre outros assuntos que deverão ser discutidos está o  fato da COPPE ter sido contratada para fazer uma auditoria, oficialmente do Bilhete Único, mas que não se tem conhecimento se a auditoria se estendeu para todos os setores da concessão aquaviária, como está prevista na Lei 6138/11.

Luiz Paulo  enfatizou que a auditoria deve ser o principal interesse da comissão.” O foco é a auditoria. O resto vem como consequência das oitivas.”

A Comissão se reunirá todas as terças-feiras às 14h.