Luiz Paulo preside mesa do Fórum de Custos de Obras Públicas

AFP PHOTO/Vanderlei Almeida

O 1º Fórum Brasileiro de Custos de Obras Públicas, promovido pelo IBEC,em sua seção regional no Rio de Janeiro,ocorreu hoje dia 30, no Clube de Engenharia no Rio de Janeiro e teve como presidente da mesa o deputado Luiz Paulo.

O deputado e também engenheiro, começou sua arguição, afirmando que há que se focar nos custos e na qualidade das obras e que “não há como se ter obra pública sem um bom projeto de engenharia”. Comentou ainda que 75% das obras públicas licitadas são feitas sem qualquer tipo de projeto.

O Fórum teve o objetivo de se colocar em discussão o uso de metodologias adequadas para a elaboração de orçamentos pré-licitatórios para obras públicas. Foi apresentada na ocasião a proposta de orientação técnica, pois se verificou que os orçamentos pré-licitatórios não estão sendo elaborados adequadamente, causando divergências de entendimento muito graves quanto aos custos de obras realizadas.

Estiveram presentes os representantes do CREA-RJ, do Clube de Engenharia e AEERJ, da EMPOP, do PCRJ, da Caixa Econômica Federal, da FAERJ,do TCE/RJ , da SINDUSCON e da Petrobrás.

A CEF e a Petrobrás fizeram suas considerações acerca da temática. Além disso, o representante da Caixa polemizou ao afirmar que culpam a empresa por burocratizar a viabilização das verbas de obras públicas, quando na verdade, há uma falta de fiscalização por parte das empresas no que tange aos custos das obras e da obrigatoriedade de haver um engenheiro responsável pelas mesmas.